Interlúdio – 1983

Entre um amor desesperado, daqueles que acabam com a louça no chão, e uma paixão romântica daquelas que parecem que nunca vão acabar, um frequentador de supermercados tem um caso passageiro com a menina da caixa.

Créditos:
Direção e Roteiro: Carlos Gerbase e Giba Assis Brasil
Direção de Fotografia: Norberto Lubisco
Música: Flávio Bicca Rocha
Direção de Produção: Sérgio Lerrer
Montagem: Alpheu Ney Godinho
Elenco:
Júlio Conte (O Herói) Marta Biavaschi (A Menina da Caixa) Marília Mosmann (Cláudia) Márcia do Canto (Alexandra)

“Com humor e inventividade, Gerbase e Assis Brasil narram as paixões eternas – mas de escassíssima duração – de um garoto com irresistível queda para amores à primeira vista. Valendo-se exclusivamente das imagens e da voz (off) de um narrador, os realizadores conseguem passar ao público gama imensa de informações sobre o comportamento, os valores e o cotidiano de determinada parcela da população da cidade. ‘Interlúdio’ é um inteligente exercício de cinema e saudável lição sobre a força da síntese.”
(Ivo Egon Stigger, FOLHA DA TARDE, 25/03/83)

“Utilizando-se de um texto narrativo, (Gerbase e Giba) descrevem as aventuras de um casanova de supermercado. Mais para Eric Rohmer do que para qualquer outro cineasta francês, a narrativa do filme valoriza a presença de uma atriz sensível e promissora, Marta Biavaschi, no papel da caixa do supermercado, seduzida e abandonada pelo charme do volúvel conquistador.”
(Tuio Becker, FOLHA DA TARDE, 23/04/83)

“É através da simplicidade que o filme consegue ser crítico, mostrando o quanto o consumismo está presente na relação entre as pessoas. Esta temática é explicitada, por exemplo, durante a descrição física dos personagens: têm cabelo de glicerina, olhos cor de sapólio radium. As pessoas acabam se encarando como produtos: consomem e são consumidas.”
(Arlene Freitas Lima, CINE IMAGINÁRIO, Junho de 1986)

Interlúdio é ótimo. Entre duas grandes paixões, um rapaz vive um romance sem futuro – um interlúdio – com a caixa de um supermercado. Gerbase, que se baseou num conto de sua autoria, discute o amor como consumo.”
(Luis Carlos Merten, AGÊNCIA ESTADO, 03/10/2000)

Compartilhar

Mais Acervo

3 Efes – 2007

Sissi, uma jovem com o pai viúvo e desempregado, luta para sustentar a família e sonha em dividir um apartamento com o namorado jogador de futebol. Martina, de situação financeira mais estável, luta para voltar a ser desejada pelo marido publicitário, ou pelo primeiro que aparecer. Giane já mudou de vida e pode influenciar o […]

Sal de Prata – 2005

Cátia, uma bem-sucedida economista, precisa repensar sua vida quando seu namorado Veronese, um cineasta polêmico, sofre um ataque cardíaco, deixando um passado obscuro, uma loja de artigos fotográficos, alguns curtas-metragens realizados e muitos roteiros no computador. Festivais: 36° International Film Festival of India (Índia, 2005) 10° International Film Festival of Kerala (Índia, 2005) 3° Chennai […]

Faustina – 2002

Episódio da série “Contos de Inverno″, da RBS TV. Conta a história de uma mulher desempregada que faz um estranho pacto com seu tio para ter sucesso na vida profissional.

O Comprador de Fazendas – 2001

Episódio da série “Brava Gente”, da TV Globo. Uma família endividada tenta vender sua fazenda decadente para um produtor de cinema, que planeja filmar uma adaptação do conto “O Comprador de Fazendas”, de Monteiro Lobato, e precisa de uma locação adequada. Tentando enganar o produtor, a família disfarça as más condições da propriedade. Uma produção […]